INFORMAÇÃO É FORMAÇÃO

quarta-feira, 9 de abril de 2008

O QUE É A CONTRA INFORMAÇÃO


A contra informação é a pratica de contenção da informação, isto é o uso de recursos e tácticas que consistem em produzir barreiras para a inversão no processo de divulgação de informações. A contra informação é tida como uma actividade comunicacional negativa perante ao processo democrático pois viola a ética e a deontologia, é uma actividade complexa e sensivel consubstânciada normalmente pelo segredo.Os factores relativos a actividade da conta informação baseam-se em:

• Ánalise da informação
• Ánalise do público alvo
• O uso de uma fonte crédivel
• A manipulação por meio da apelação do interesse emanado
• Tramento da mensagem com recurso a inversão
• O momento e o contexto a manipular
• O discurso persuasivo

A contra informação existe a mais de 2000 anos atrás, como actividade instituicionalizada dos estados, geralmente sob pretexto de garantir a segurança (interna ou externa) esta actividade anula o raciocinio lógico antecipa os objectivos e geralmente massifica a consciência reunindo os comportamentos em grupos, o seu sentido comunicacional é unidireccional, faz recurso a técnicas de comuicação correntes como a a propaganda que pelo seu modo especifico de apresentar uma informação com objectivo de servir uma agenda. Apesar do termo (propaganda) actualmente fazer eco de uma comunicação enganosa, assim não sucedia no passado. A palavra provém do latim moderno, propaganda quer dizer “para ser espalhado”. Reza a historia que em 1622 isto a quando do inicio da guerra dos trinta anos, o Gregorio XV fundou o “congregatio” propaganda fide (“congregação para a propagação da fé”) um comite de cardeais era orientado para supervisionar a propagação do cristianismo pelos missionarios enviados para fazer o trabalho de contra informação nos paises nao cristãos. No entanto o sentido politico actual data da Primeira Guerra Mundial e, originalmente não era pejorativo mesmo que a mensagem traga informação verdadeira geralmente é um recurso estrátegico para o objectivo da contra informação, pois esta mensagem será aparentemente verdadeira não apresentando um quadro completo e balanceando o objecto em questão.
Seu uso primario advém de contextos politico, referindo-se geralmente aos esforços patrocinados por governos e partidos politicos, uma manipulação semelhante de informações que também associa-se na estrutura da contra informação é a conhecida publicamente por publicidade. Num sentido estrito a contra informação possui como recursos variadas técnicas de comunicação, objectivando-se na guerra psicologica para a solidificar a informação deliberadamente falsa ou incompleta que apoia uma causa politica ou interesses daqueles que estão no poder ou os que querem o poder. A contra informação muda o curso normal da informação manipula as pessoas de formas que entendam as situações contrariamente ao que devia ser politicamente correcto entender, origina outras acções e projecta falsas expectativas para a real direcção antes anseada.

3 comentários:

Kashuna Andre "gifted" disse...

sem comentarios somente para desejar-lhe sucessos e dizer-lhe que passei pelo seu blog.

espero por si no lundanorte.blospot.com
Kashuna Andre "gifted"

"Soberano" Canhanga disse...

Tb estive neste post

Clemente Leite disse...

A nova minissérie da Globo:"Os dias eram assim", vem com esse objetivo. Só não acredita quem é adepto (bucha) a ideologia, falida,comunista.